Notícias Notícias da AEAO

Uso sustentável da água foi o tema do 2º dia de FENARO

Compartilhe:

A importância da água e a necessidade de sistemas eficientes de captação, tratamento e distribuição desse recurso natural fundamental para a vida foram os temas centrais da apresentação do engenheiro Robson Fontes da Costa no segundo dia de palestras do Fórum de Engenharia e Arquitetura de Osasco e Região, FENARO, no auditório da Universidade Bandeirante (Uniban). Em sua segunda edição, o fórum é promovido pela AEAO – Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Osasco, com apoio institucional do CREA-SP.

Sob o título “Água e Sustentabilidade – Sistema de Abastecimento e Gestão de Perdas”, a palestra do engenheiro Robson, especialista da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) apresentou um panorama do uso e tratamento dos recursos hídricos da antiguidade até os dias atuais, ressaltando a necessidade da busca constante pelo uso sustentável da água, devido à escassez desse recurso tão importante para a vida. “A água é finita e escassa. E esse é um grande problema a enfrentar pelos profissionais da tecnologia”, destacou, para uma plateia de profissionais e estudantes de engenharia e outras carreiras tecnológicas.

O engenheiro apresentou dados da Organização das Nações Unidas (ONU), mostrando que mais de 2,5 bilhões de pessoas no planeta não têm acesso a saneamento adequado e cerca de 6 milhões de indivíduos ainda morrem por ano de sede por falta de água potável. Um estudo do órgão estimou que, em 2025, cerca de 23 países estarão em condição de absoluta escassez de água.

“Vocês e nós todos aqui, podemos nos considerar sortudos. O Brasil tem 12% da água potável do mundo. Mas ainda assim, estima-se que cerca de 50% da população não tem acesso à água tratada”, observou.

Depois de explicar o ciclo da água na natureza e delinear o que denomina de “ciclo de poluição” do recurso natural, Robson mostrou muitos dados sobre o funcionamento dos modernos sistemas de captação, tratamento e distribuição da água no Brasil e no Estado de São Paulo, com destaque para os oito sistemas de abastecimento responsáveis pela água potável que chega a todas as residências na Grande São Paulo. Ele mostrou ainda os problemas mais comuns do sistema, sobretudo relacionados às ligações clandestinas e o risco à segurança e à saúde da população que elas representam. Também apresentou as últimas tecnologias de rastreamento e redução de vazamentos. “Não basta tratar a água. Temos que ser eficientes”, disse.

O engenheiro encerrou sua exposição destacando a importância da atuação dos profissionais de tecnologia em todas as etapas do processo de abastecimento, ressaltando seu compromisso com a sustentabilidade e o uso racional dos recursos naturais.

O tema da próxima palestra do II FENARO, que acontece hoje, a partir das 19 horas no auditório da Uniban, será “Habilidade para Negociação”, apresentado pelo engenheiro Fernando José da Rocha Camargo, do IBEC – Instituto Brasileiro de Engenharia de Custos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *